Foto: Reprodução/Globo
Acontece

Globo desmente que pode acabar com as rádios CBN e Globo FM

A emissora já passou direcionamento para os apresentadores, que estão respondendo aos ouvintes sobre o que chamam de "boato"

A notícia que tem circulado pela internet de que a Globo vai acabar com as marcas CBN e Globo FM e substituí-las, segundo a emissora, é um “boato”. A jornalista Petra Chaves, da CBN, ao responder a ouvinte sobre o assunto, fez questão de destacar o posicionamento da Globo: “Isso é mentira. A posição oficial da nossa direção é de que isso é uma pura invenção”, comentou.

Entenda o caso

O colunista Ricardo Feltrin publicou que as rádios CBN e Globo FM seriam substituídas, muito em breve, por outras grifes da Globo: as marcas virariam GloboNews FM e Multishow FM, a fim de unificar o trabalho da emissora, tornando realidade o projeto “Uma Só Globo”, anunciado pelo colunista Flávio Ricco em 2018. Segundo a nota, a ideia seria alinhar o conteúdo com a linguagem das plataformas em vídeo, a fim de mudar o rumo das FMs.

 

Confira a nota oficial divulgada por Marcelo Soares, diretor-geral da SGR:

“A CBN é um sucesso estabelecido, firmada como a maior rádio de notícias do Brasil, não havendo nenhuma possibilidade de sua descontinuidade. Pelo contrário, seguimos investindo no seu fortalecimento e no jornalismo de qualidade que caracteriza a emissora há quase 30 anos.

A Rádio Globo segue em busca do seu caminho de sucesso. Há dois anos fizemos transformações importantes buscando reverter tendências negativas de faturamento e uma operação deficitária. Nem todas as mudanças trouxeram os resultados que esperávamos. Seguimos em permanente avaliação da programação com o objetivo de atender da melhor maneira a demanda dos nossos ouvintes.

O projeto Uma Só Globo, como dito desde o seu lançamento, não envolve as rádios do Sistema Globo de Rádio. Portanto, a Accenture, consultoria do projeto Uma Só Globo, não tem absolutamente nenhuma relação com as decisões que envolvem nossas emissoras de rádio.

Lamentamos a forma irresponsável e descomprometida com os fatos com que essas notícias foram publicadas, gerando ansiedade e preocupação desnecessárias em um grande número de funcionários, seus familiares, afiliados, parceiros e ouvintes.”

SBD Prefeitura Trabalha
RET Mobile Prefeitura Transporte

Siga RJ nas Redes Sociais