A série estreou em dezembro e virou febre entre os internautas. Foto: Reprodução
Acontece

Filme interativo da netflix é acusado de plágio

O filme interativo de Black Mirror lançado na sexta-feira (28) está rendendo um processo para a plataforma

Uma editora chamada Chooseco, LLC, que criou a marca “Escolha Sua Aventura” nos anos 80 e publica livros infantis nos EUA, entrou com uma ação contra a Netflix por estar usando sua patente no novo filme interativo “Black Mirror: Bandersnatch”.

Com mais de 265 milhões de cópias vendidas, os livros “Escolha sua aventura” possibilitam aos leitores uma interação, que permite a formação de diferentes enredos para a história. Assim como a estrutura utilizada em Bandersnatch.

Na queixa, que foi feita no tribunal federal de Vermont, a Chooseco aponta para a cena em que Stefan Butler, o personagem principal, está se preparando para lançar um videogame que ele deseja desenvolver. Ele está explicando ao pai que o jogo é baseado no trabalho de um livro fictício. O pai diz que o autor deve ser bom porque seu filho está sempre “pulando para frente e para trás”.

Butler responde: “Não, é um livro ‘Escolha a sua própria aventura'”.

Atualmente o único que tem os direitos cinematográficos e televisivos de “Escolha sua aventura” é o estúdio 20h Century fox. Na reclamação, a editora afirma que eles e a Netflix ficaram em uma negociação muito tempo, mas que a plataforma não conseguiu uma licença e que antes do filme ser lançado, houve um pedido para que parassem de utilizar a marca

Então, Alegando infração, diluição e concorrência desleal, a Chooseco está exigindo US $ 25 milhões em danos ou lucros da netflix.

SBD VW T-Cross

Siga RJ nas Redes Sociais

RET VW T-cross