Membros da CCJ dividem-se para conceder homenagem à Marrom - Foto: Divulgação
Acontece

Polêmica para entrega do Título de Cidadã de PE à Alcione

Membros da CCJ da Alepe dividem-se para conceder homenagem à Marrom

Por: Roberta Jungmann

Houve bate-boca, nesta terça-feira (11), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na Alepe, para conceder o título de cidadã pernambucana à cantora Alcione. A iniciativa foi proposta pelo presidente da Casa, Eriberto Medeiros.

O presidente da Alepe, Eriberto Medeiros, e Alcione – Foto: Divulgação/Marcos Henrique

Pela lei, o homenageado tem de ter morado pelo menos cinco anos no Estado. O deputado Romário Dias, bem irônico, saiu-se com esta: “Alcione nunca passou mais de quatro dias em Pernambuco. Foi só o tempo de pegar o dinheiro e levar para o Maranhão”.

O deputado Romário Dias é contra a homenagem – Foto: Divulgação

O deputado Isaltino Nascimento também posicionou-se contra. Mesmo assim, a pauta foi aprovada. Segundo Tony Gel, ela fez um belo apelo para todo o País quando não deixasse o samba morrer. O projeto ainda vai para o plenário.

 

Leia Mais

Ricardo Brennand recebe título de cidadão do Recife

Emocionado, Hamilton Mourão recebe título de cidadão do Recife

Vale lembrar que a Marrom, como é popularmente chamada, é considerada rainha do samba e dona de um prestígio sem tamanho. A cantora, apesar de lotar os principais palcos do Brasil e até mesmo do mundo, não esquece de Pernambuco e sempre traz grandes contribuições para o turismo cultural do Estado.

2 Comentários

Clique aqui para comentar