Frogmore Cottage - Foto: Divulgação
Acontece

Casa de Meghan e Harry usou R$ 11,6 mi de dinheiro público

O valor foi divulgado na última demonstração financeira anual da Família Real

A reforma na nova casa do príncipe Harry e de Meghan Markle não foi nada barata! 2,4 milhões de libras (cerca de R$ 11,6 milhões), provenientes de impostos pagos pelos contribuintes britânicos, foram usados para renovar o Frogmore Cottage, em Windsor. O valor foi divulgado na última demonstração financeira anual da Família Real.

Segundo a CNN, os trabalhos de reforma incluíram a remoção de uma chaminé, retoques no teto, adição de escadas e instalações de lareiras. Estes reparos foram custeados pelo Sovereign Grant, fundo de recursos públicos destinado à Família Real para pagamento de salários da equipe da rainha, manutenção de palácios e custos com viagens. No entanto, os custos como gastos com instalações, equipamentos e mobília no novo lar dos duques de Sussex foram pagos com recursos próprios da família.

Frogmore Cottage – Foto: Divulgação

Anteriormente, o Frogmore Cottage era um prédio com cinco apartamentos, tendo passado por uma grande reestruturação para ser convertida em uma residência única. Meghan e Harry se mudaram para o endereço antes do nascimento de Archie. Ainda de acordo com o relatório financeiro, o Sovereign Grant custou aos contribuintes um total de 67 milhões de libras entre 2018 e 2019. 41% a mais do que no ano anterior.

Em nota, o Palácio de Buckngham afirmou que grande parte deste aumento se deu por “maiores gastos com propriedade”m sendo boa parte do dinheiro utilizado para reformar o próprio palácio. Mas, segundo a família real, estas reformas fazem parte de um projeto de restauração para “provas futuras dos serviços essenciais do palácio”.

SBD La Fleur