Deputado Delegado Waldir, líder do PSL na Câmara - Foto: Divulgação
Deputado Delegado Waldir, líder do PSL na Câmara - Foto: Divulgação
Acontece Política

Líder do PSL diz que vai implodir Bolsonaro

O deputado Delegado Waldir admitiu possuir gravações comprometedoras do presidente

O racha no PSL está ficando cada vez mais sério. Após o presidente Jair Bolsonaro admitir que pode deixar a legenda, deputados do partido iniciaram um movimento para mudar o líder do PSL na Câmara. O problema é que as listas não batem, e isso aumentou o atrito na bancada. Bolsonaro interveio para destituir o atual líder do partido na Câmara, o deputado Delegado Waldir (GO). Com isso, aliados do presidente da República recolheram 27 assinaturas em duas listas para nomear Eduardo Bolsonaro (SP) como novo líder da legenda. A Câmara, entretanto, invalidou o documento. Assim, Waldir continua como líder da leganda, mas não ficou nada feliz com a atitute do presidente.

Eduardo Bolsonaro e Jair Bolsonaro – Foto: Reprodução
Leia Mais

Ao som de Marília Mendonça, Frota ganha aniversário de Maia

RET Jaboatão

Após a confusão, o deputado foi gravado dizendo que vai implodir o governo de Jair Bolsonaro. “Vou fazer o seguinte, eu vou implodir o presidente. Ai eu mostro a gravação dele, eu tenho a gravação. Não tem conversa, eu implodo o presidente, cabô, cara. Eu sou o cara mais fiel a esse vagabundo, cara. Eu votei nessa porra, eu andei no sol 246 cidades, no sol gritando o nome nesse vagabundo”, disse Waldir.

Delegado Waldir – Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira (17), Bolsonaro também escolheu o senador Eduardo Gomes (MDB-GO) para o comando da liderança no Congresso Nacional. Ele substitui a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) da liderança do governo no Congresso. A situação da deputada ficou insustentável após ela assinar uma lista em apoio à permanência do Delegado Waldir.

Joice Hasselmann – Foto: Divulgação

Siga RJ nas Redes Sociais

RET FPS MED