Acontece

Livro Negra Sou retrata mulheres negras em profissões de destaque

Livro Negra Sou
A jornalista Jaqueline Fraga é autora do Livro Negra Sou. Foto: Guga Renato
O livro-reportagem é de autoria da jornalista pernambucana Jaqueline Fraga.

“Negra Sou: a ascensão da mulher negra no mercado de trabalho”. Esse é o título do primeiro livro-reportagem escrito pela jornalista pernambucana Jaqueline Fraga. Ela, inclusive, é repórter do site Roberta Jungmann.

Lançado na Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, a obra traz, aliás, uma série de reportagens especiais com mulheres negras que atuam em algumas das profissões mais valorizadas do país. São, inclusive, retratadas as histórias de profissionais das áreas de Direito, Engenharia, Medicina, Militar e Odontologia.

Leia mais

Blue Ivy, filha de Beyoncé e Jay Z, ganha prêmio musical e estreia em lista da Billboard

Mulheres negras lado a lado
A escritora Jaqueline Fraga (centro) ladeada por quatro das cinco mulheres retratadas no livro. À esquerda, a cirurgiã-dentista Carolina Lemos e a engenheira química Gleyciane Correia. À direita, a procuradora de justiça Bernadete Figueiroa e a major da PMPE Lúcia Salgueiro. Foto: Elysangela Freitas

Como explica a autora, o livro pretende contribuir com a busca por igualdade de direitos e oportunidades, além de enfatizar, é claro, o combate ao racismo. “Sempre comento que um dos meus objetivos é justamente inspirar meninas e mulheres negras, mas também conscientizar todas as outras pessoas sobre os desafios enfrentados no nosso dia a dia”, comentou.

Consciência Negra

As pautas levantadas no livro, inclusive, simbolizam as reflexões que marcam o Dia da Consciência Negra, celebrado nesta quarta-feira, 20 de novembro. “O Dia da Consciência Negra é um marco na luta por igualdade e contra o racismo. Precisamos agir para que crimes e ofensas contra pessoas negras não façam, aliás, mais parte da nossa rotina. Precisamos, inclusive, debater sobre isso hoje, amanhã e todos os meses do ano”, frisou a escritora.

O lançamento do livro, aliás, contou com palestra da autora. Foto: Elysangela Freitas.

Baseada no jornalismo literário, o livro Negra Sou, aliás, conta com matérias que se aprofundam na vida e na carreira das mulheres entrevistadas. Em 2016, inclusive, o projeto online que deu origem ao livro foi um dos vencedores do Prêmio Antonieta de Barros – Jovens Comunicadores Negros e Negras. A premiação, aliás, foi promovida pelo Ministério da Justiça.

Quem desejar adquirir um exemplar, que custa R$ 40,00 à vista, pode entrar em contato pelo e-mail [email protected], ou, ainda, pela página no Facebook ou o perfil no Instagram.

Você pode conferir, abaixo, alguns cliques do lançamento no Centro de Convenções.

 

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

Dünyaya açılmak için hala neden bekliyorsunuz?

Türk takipçi

Günümüz de en önde giden sosyal medya platformlarından olan instagram ile günümüzün uzun bir süresini geçiriyoruz tabiki bu durumda ise birşeyler paylaştığımız vakit beğenilmek istiyoruz. yüzler ce binlerce takipçisi olan arkadaşlarınızdan yada rakip iş yeri sahiplerinizden önde olmak istemezmisiniz? eğer bunları düşünüyor ve siz de sosyal medya da satış yaparak para kazanmak istiyorsanız sizi https://instagramaktiftakipci.com/turktakipci/ bekliyoruz