Acontece

Projeto #Cuidar: confira o relato do personal Thiago Borges

Já é sabido que as medidas de distanciamento social devido à pandemia da Covid-19 têm se tornado um tormento na vida dos pernambucanos. Mas o que fazer quando essa clausura ocasiona outros problemas importantes: a incidência de novas doenças mentais e novos comportamentos nocivos a nossa saúde?

Na semana passada, o #CUIDAR, da jornalista Karina Maux, ouviu quatro mulheres que falaram da sua rotina de treinos e alimentação dentro de casa na série #elasfalamoquefazem. Desta vez, o projeto escutou quatro homens que vão mostrar como estão lidando com o momento. O profissional de Educação Física, Thiago Borges, inicia a série #elesfalamoquefazem. Ele dá dicas de como mudar o comportamento, mesmo limitados, em pouco espaço, para continuarmos ativos, a partir do seu próprio exemplo. 

“Não adianta negar, com o isolamento ficamos mais irritados, mais ansiosos, dormimos mal, comemos errado, ficamos mais tempo em comportamento sedentário, ou seja, mais tempo sentados e deitados, mais tempo de televisão e vamos mais vezes a nossa cozinha comer os deliciosos carboidratos”, argumenta o personal trainer Thiago Borges.

“É óbvio que tudo isso nos leva a ganho de peso, perda de massa muscular, comprometimento cardiovasculares, risco de desenvolver diabetes e perda de funções importantes do nosso cérebro. A perda dessas funções parecem estar relacionadas a um efeito perturbador no controle glicêmico (quantidade de açúcar no sangue) e diminuição do fluxo sanguíneo cerebral, acarretando perda de memória, orientação espacial e redução de volume das áreas do cérebro. O que talvez possa estar relacionado com nossa falta de motivação e estímulo para nos movimentar”, explica. 

Em contrapartida, segundo ele, “a prática de atividade física, além de contribuir na atenuação dos riscos de mortalidade, especificamente no cérebro apresenta a capacidade de uma única sessão promover aumento no fluxo sanguíneo cerebral, da oxigenação e do aporte de nutrientes, bem como, de aumentar a liberação e síntese de neurotransmissores capazes de modular o funcionamento do nosso cérebro”.

Portanto, de acordo com profissional de Educação Física, Thiago Borges, o exercício físico é capaz de melhorar as funções cerebrais. “Melhoramos nossa capacidade de manter e manipular informações mentalmente, ou seja, controlamos melhor nossos comportamentos, pensamentos e ações, reduzindo os riscos de desordens mentais, como a ansiedade”. Quanto ao humor, ele diz: “dependendo de como esse exercício é prescrito pode se tornar um tormento”. Thiago faz um alerta da importância das pessoas receberem orientação de um profissional habilitado da área para prescrever de maneira adequada, respeitando a individualidade de cada um.

 Em relação à memória é enfático: “um dos maiores benefícios do exercício físico para funções cerebrais, é o aumento no volume de áreas do cérebro responsáveis pela memória, aprendizagem e velocidade de processamento em determinado tipo de tarefa. Conseguimos fazer com que nosso cérebro trabalhe em “alta performance”, fundamental para diversos aspectos da vida como sucesso escolar e profissional. Nosso cérebro é altamente “neuroplástico”, com alta capacidade de processamento, quanto mais o estimulamos menor serão as chances de adquirir desordens mentais”. Mas como quebrar esse comportamento sedentário? Como encontrar motivação? Por onde começar? Qual tipo de exercício? Quanto tempo?

O personal trainer Thiago Borges relaciona abaixo algumas dicas:

1. Sente-se menos, mova-se mais! Evite ficar longos períodos sentado, deitado, usando o smartphone e assistindo TV;

2. A cada 30 minutos de comportamento sedentário, se movimente pelo menos 2 a 3 minutos para melhorar o metabolismo da glicose no cérebro;

3. Fazer exercícios físicos e manter-se ativo várias vezes durante o dia é mais benéfico do que fazer exercícios apenas uma vez e passar o resto do dia sentado;

4. Estabeleça uma rotina de exercícios, não precisa ser todos os dias, nem realizar exercícios de alta intensidade, faça um treino que seja adequado para você no momento. Cuidado ao copiar treinos de outras pessoas;

5. Faça pelo menos 30 minutos de exercícios, que consiga trabalhar o maior número de grupos musculares possíveis, de leve a moderada intensidade, no mínimo três e no máximo cinco vezes por semana;

6. Estabeleça um horário específico na sua agenda, escreva!!! Deixe escrito em algum lugar que você possa ver constantemente;

7. Coloque o material e a roupa do treino em cima da mesa da sua sala ou na sua cozinha.

Dünyaya açılmak için hala neden bekliyorsunuz?

Türk takipçi

Günümüz de en önde giden sosyal medya platformlarından olan instagram ile günümüzün uzun bir süresini geçiriyoruz tabiki bu durumda ise birşeyler paylaştığımız vakit beğenilmek istiyoruz. yüzler ce binlerce takipçisi olan arkadaşlarınızdan yada rakip iş yeri sahiplerinizden önde olmak istemezmisiniz? eğer bunları düşünüyor ve siz de sosyal medya da satış yaparak para kazanmak istiyorsanız sizi https://instagramaktiftakipci.com/turktakipci/ bekliyoruz