Acontece

Distrito Federal autoriza reabertura de lojas de roupas e sapatos

Ibaneis Rocha permite reabertura de lojas - Foto: Montagem
Decreto do governador Ibaneis Rocha prevê uma restrição de horário para esses serviços

O governo do Distrito Federal autorizou, neste sábado (16), a reabertura de lojas de roupas e sapatos. Além disso, estabelecimentos de extintores de incêndio e serviços de corte e costura também poderão abrir as portas. Esse é mais um passo do governador Ibaneis Rocha (MDB) no relaxamento das regras de distanciamento social. O decreto entra em vigor nesta segunda-feira (18).

Rodoviária do Plano Piloto, em Brasília, vazia por conta do isolamento social – Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

O decreto assinado por Ibaneis prevê uma restrição de horário para esses serviços. Segundo a nova medida, os estabelecimentos só poderão funcionar entre 11h e 19h. O texto também determina uma série de regras para evitar grandes aglomerações e diminuir o risco de infecção pelo coronavírus. Os estabelecimentos devem garantir a distância mínima de dois metros entre as pessoas, fornecer máscaras para seus funcionários, disponibilizar álcool em gel, medir a temperatura dos consumidores, entre outras medidas. Além disso, o decreto estabelece a aplicação de multas para quem não utilizar máscaras. O valor será de R$ 2 mil para as pessoas físicas e de R$ 4 mil para estabelecimentos cujos funcionários não estiveram usando o equipamento de proteção.

Comércio no DF voltará a abrir de forma escalonada – Foto: Hugo Barreto/METRÓPOLES
Leia Mais

Primeiro dia de rígida quarentena tem fiscalizações no Recife

Ainda assim, esses devem ser os únicos serviços que funcionarão a partir do dia 18. Essa, aliás, era a data prevista para a retomada da maior parte das atividades, mas uma decisão judicial barrou a reabertura na semana passada. Uma nova decisão judicial autorizou a retomada das atividades econômicas, mas estabeleceu um cronograma escalonado para os diferentes setores.

De acordo com o decreto, estão autorizadas a funcionarem as atividades comerciais (atacadistas, representantes comerciais e varejistas) e também atividades de serviços, como comunicação, publicidade, consultorias empresariais, recursos humanos, agências de viagem. Após 15 dias, podem reabrir os shoppings centers e demais centros comerciais. Em 30 dias, serão retomadas as atividades do bloco relativo a serviços alimentares, como restaurantes, bares, atividades de ambulantes que servem refeições, entre outros.

Brasília Shopping – Foto: Divulgação

A magistrada estabeleceu que em 45 dias será liberado o último bloco, que prevê a reabertura de estabelecimentos ligados ao mundo artístico, como salas de cinema e teatro, além de atividades esportivas, como as academias esportivas e clubes. Também a partir desse prazo poderão reabrir templos religiosos. De acordo com a decisão judicial, escolas e as atividades administrativas poderão reabrir também em um prazo de 45 dias.

Dünyaya açılmak için hala neden bekliyorsunuz?

Türk takipçi

Günümüz de en önde giden sosyal medya platformlarından olan instagram ile günümüzün uzun bir süresini geçiriyoruz tabiki bu durumda ise birşeyler paylaştığımız vakit beğenilmek istiyoruz. yüzler ce binlerce takipçisi olan arkadaşlarınızdan yada rakip iş yeri sahiplerinizden önde olmak istemezmisiniz? eğer bunları düşünüyor ve siz de sosyal medya da satış yaparak para kazanmak istiyorsanız sizi https://instagramaktiftakipci.com/turktakipci/ bekliyoruz