Ponte Duarte Coelho, no centro do Recife, no dia 25 de maio de 2020. (Foto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco)
Acontece

Retomada das atividades econômicas em PE pode acontecer em junho

O Governo de Pernambuco anunciou que o protocolo de retomada gradual dos setores já está pronto

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta sexta (28), que tem pronto um projeto de retomada das atividades econômicas no estado. Segundo Bruno Schwambach, secretário de Desenvolvimento Econômico, o “plano de convivência com a pandemia da Covid-19” prevê a retomada gradual dos setores num período de 11 semanas. “Sem vacina ou medicamento comprovadamente eficaz contra o coronavírus, todos teremos que conviver com a doença”, afirmou Schwambach.

O secretário da Fazenda, Décio Padilha, e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, na coletiva desta quarta (28). (Foto: Heudes Régis/SEI)
Leia mais

Malala envia carta aos ministros do STF

Mas esse protocolo está diretamente relacionado à evolução da pandemia em Pernambuco. Ou seja, o Governo espera que haja redução nos casos de Covid-19 para pôr o plano em ação. Inclusive, o balanço final do ‘lockdown’ decretado em cinco municípios da Região Metropolitana, que termina em 31 de maio, deve ser determinante para a implementação do protocolo. “Temos um plano, mas aguardamos os dados da saúde para que possamos divulgar a partir do domingo (31)”, explicou Schwambach.

Fiscalização do rodízio de carros imposto na capital pernambucana, no dia 25 de maio de 2020. (Foto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco)

Ainda sobre o plano, o secretário explicou que ele se divide em três eixos: um com regras de distanciamento, outro com regras de higiene e um terceiro com regras de monitoramento. “Nosso plano pesa quais atividades têm menos impacto nas curvas de contaminação e a relevância econômica de cada setor para definir o cronograma de liberação”, detalhou Schwambach.