Desembargador volta a sair sem máscara e a ofender guardas civis
Desembargador caminha pela praia -Foto: G1 Santos. 
Acontece

Desembargador volta a sair sem máscara e a ofender guardas civis

"Não dou a menor bola para eles", disse.

O desembargador Eduardo Siqueira, que foi flagrado recentemente humilhando um guarda municipal, voltou a circular sem a máscara em uma praia de Santos na quarta-feira (5) . Segundo o portal G1, ao ser questionado nesta quinta-feira (6) sobre a reincidência, o magistrado alegou não se lembrar se foi à praia e, ainda, debochou da presença dos guardas no local.

“Uma coisa que eu ignoro são essas viaturas da guarda, esses meninos para cima e para baixo. Não dou a menor bola para eles, é um desprazer ver eles estragando, destruindo, poluindo a praia”, disse o desembargador ao G1.

Desembargador volta a sair sem máscara e a ofender guardas civis
Eduardo Siqueira humilhou guarda municipal recentemente – Foto: Reprodução.

A cena de Siqueira caminhando sem o item de proteção foi registrada por uma moradora. Ela relatou à reportagem que o desembargador estava caminhando pela faixa de areia, com a máscara no pescoço, enquanto falava ao celular.

A caminhada, aliás, teria durado aproximadamente 20 minutos. “Passou a Rua General Rondon, avistou uma viatura da GCM (Guarda Civil Municipal), deu meia volta e colocou a máscara”, descreve a mulher, que preferiu não se identificar.

Leia mais

Angélica volta às tardes de sábado da Globo

Ao G1, o desembargador afirmou que a moradora precisaria fazer uma acusação por escrito, autenticada, para que seja verificado se é ele realmente nas imagens. O portal, no entanto, também comparou a fotografia desta quarta com outra do magistrado e constatou que, inclusive, a mesma bermuda aparece nas fotografias.

Portal G1 comparou fotografias – Foto: G1 Santos.

Em nota, o órgão informou que a Guarda Civil Municipal não realizou nos últimos dias abordagem ou aplicação de multa ao munícipe citado. A última foi no dia 18 de julho pelo não uso de máscara facial.