atividade religiosa
Jair Bolsonaro - Foto: Carolina Antunes/PR.
Política

Bolsonaro inclui atividade religiosa como serviço essencial

Outras atividades também foram incluídas na lista.

O presidente Jair Bolsonaro incluiu a prática de atividade religiosa na lista de serviços essenciais disponível no estado de calamidade pública. A medida foi publicada em decreto no Diário Oficial da União desta quinta-feira (26).

Com a atualização, fica permitido o funcionamento de templos religiosos, mesmo durante ações de isolamento contra o coronavírus, desde que sejam cumpridas as orientações do Ministério da Saúde. Além dos templos, outros espaços e atividades também foram incluídos na relação.

Leia mais

Bolsonaro liga para presidente chinês após polêmica com o filho

atividade religiosa
Jair Bolsonaro incluiu atividade religiosa na lista de serviços essenciais – Foto: Sergio Lima/AFP

Passam a ser considerados essenciais, também, as lotéricas e serviços como a fiscalização do trabalho, atividades médico-periciais, atividades de pesquisa científica e laboratoriais, produção de petróleo, geração e transmissão de energia.

Veja o decreto, na íntegra, no site do Governo.