Acontece

Caravana leva doações e amor para pessoas em situação de rua

Caravana Tio Chico
Voluntários da Caravana Tio Chico (foto tirada antes da pandemia do coronavírus) - Foto: Cortesia.
Saiba como ajudar neste momento de pandemia do coronavírus.

A pandemia causada pelo coronavírus aumentou a necessidade de apoio às pessoas mais necessitadas. Muitas ONGs e grupos de assistência social, que já desenvolvem campanhas solidárias há bastante tempo, estão empenhados em ajudar os que tanto precisam. Um deles é a Caravana Tio Chico, que foi criada há 25 anos para apoiar pessoas em situação de rua.

Nesta sexta-feira (3), os voluntários sairão, mais uma vez, do conforto de suas casas para levar alimentos e kits de higiene a moradores que vivem em ruas do Recife e Jaboatão. Mas, mais que isso, eles buscam levar uma palavra de conforto e amizade, além de ouvir as histórias de quem muitas vezes, aliás, passa quase invisivelmente aos olhos comuns.

Leia mais

Marcas fazem doações para apoiar ações de combate à Covid-19

Quem desejar ajudar com doações pode entrar em contato com o grupo por meio de suas redes sociais, no Instagram (@caravanatiochico) e no Facebook (Caravana Tio Chico). No momento, inclusive, entre os itens que mais precisam estão água, suco de caixa, bolacha cream cracker, sardinha, ovo cozido e artigos de higiene como sabonete, papel higiênico, pasta de dente e absorvente.

Caravana Tio Chico apoia pessoas em situação de rua (Foto tirada antes da pandemia do coronavírus) - Foto: Divulgação.
Caravana Tio Chico apoia pessoas em situação de rua (foto tirada antes da pandemia do coronavírus) – Foto: Cortesia.

Entre os voluntários que integram a Caravana, aliás, estão o músico Nando Cordel e sua filha, também cantora, Felicidade Cordel. Ela, inclusive, foi uma das pessoas que organizaram o retorno do grupo, que passou um período sem realizar as atividades. “A gente sabe que a ajuda sempre vem quando trabalhamos juntos por algo maior”, destacou a cantora, que há quatro anos coordena as ações do grupo ao lado da amiga Tassyanne.

Em tempos normais, aliás, as visitas a população em situação de rua ocorrem na última sexta-feira de cada mês. “Sabemos que uma vez por mês não vai matar a fome deles, sabemos disso. Mas ouvimos histórias e aprendemos mais do que tudo. Levamos sanduíches, sopa, ovos cozidos, café, leite, suco, água… E o mais importante: levamos amor!”, destaca Felicidade.

Leia mais

Luciano Huck doará R$100 mil por semana para combate à Covid-19

Caravana Tio Chico apoia pessoas em situação de rua (Foto tirada antes da pandemia do coronavírus) - Foto: Cortesia
Caravana Tio Chico apoia pessoas em situação de rua (foto tirada antes da pandemia do coronavírus) – Foto: Cortesia.

Ela também faz, inclusive, o pedido para que mais pessoas possam ser voluntárias: “Pedimos inicialmente que todos venham conhecer a caravana sem fazer doações, para conhecer o trabalho, e depois entrem em algum grupo, ou que possam doar dinheiro, não estipulamos valores. Precisamos de voluntários para conhecer o trabalho, e continuar junto com a gente”.

Dünyaya açılmak için hala neden bekliyorsunuz?

Türk takipçi

Günümüz de en önde giden sosyal medya platformlarından olan instagram ile günümüzün uzun bir süresini geçiriyoruz tabiki bu durumda ise birşeyler paylaştığımız vakit beğenilmek istiyoruz. yüzler ce binlerce takipçisi olan arkadaşlarınızdan yada rakip iş yeri sahiplerinizden önde olmak istemezmisiniz? eğer bunları düşünüyor ve siz de sosyal medya da satış yaparak para kazanmak istiyorsanız sizi https://instagramaktiftakipci.com/turktakipci/ bekliyoruz