Acontece

Sérgio Montenegro lança o livro “Queridos Rivais”

Sérgio Montenegro lança livro "Queridos Rivais" - Foto: Heudes Regis/Divulgação
A obra do repórter conta os bastidores da união por Pernambuco

O repórter político Sérgio Montenegro lança, no dia 29 de setembro, em uma live às 20h, o livro “Queridos Rivais”. A obra conta os bastidores da União por Pernambuco, formada pelos partidos PMDB e PFL. Por volta de 1995, eles vislumbraram a chance tomar o comando do Estado das mãos do PSB do governador Miguel Arraes, e ainda montar uma estratégia que garantisse a longevidade no poder. Aliás, a live de lançamento oficial contará com a participação de Túlio Velho Barreto, que escreveu o prefácio do livro.

Sérgio Montenegro – Foto: Heudes Regis/Divulgação
Sobre o livro

A obra de Sérgio Montenegro traz detalhes da união entre PMDB e PFL e a justificativa oferecida para a população pernambucana para a chegada dos partidos ao poder. O argumento da aliança baseada no desenvolvimentismo caiu como uma luva, em um Estado carente em diversas áreas, mas, acima de tudo, na economia. Consolidada as bases da União por Pernambuco, o repórter político aponta os anos em que os partidos governaram juntos e afinados, sob a liderança inabalável do peemedebista Jarbas Vasconcelos. Mas em 2006, os anos de poder da União por Pernambuco seria interrompido pelo neto de Arraes, Eduardo Campos, que “cobrou a fatura” ao derrotar os aliados e eleger-se governador.

Como repórter da editoria de política do Jornal do Commercio, Sérgio Montenegro acompanhou o processo de costuras da aliança desde o início, relatando o primeiro encontro público entre o então governador Joaquim Francisco, líder maior do PFL, e o prefeito do Recife à época, Jarbas Vasconcelos, chefe do PMDB.

Queridos Rivais foi produzido com apoio cultural da Companhia Editora de Pernambuco (CEPE), a partir da pesquisa realizada pelo autor durante a pós- graduação em História e Jornalismo, na Unicap. A obra está à venda nas livrarias de Pernambuco e também pelo site da Amazon.

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar