A prática é tradicional no São João - Foto: Montagem
Acontece

Prefeitura de Caruaru não recomenda acender fogueiras no São João

Assim como o Ministério Público de Pernambuco, o município não irá estimular a prática

Umas das tradições do período junino são as fogueiras. Mas, com a pandemia do coronavírus, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) publicou uma recomendação que proíbe a prática. Além disso, o documento também faz referência à queima e a comercialização de fogos de artifício. Ou seja, enquanto perdurar a pandemia de Covid-19, acender fogueiras está proibido em Pernambuco.

Fogueira de São João – Foto: Divulgação
Leia Mais

São João digital de Caruaru terá “Arraiá da Musa”

Com isso, muitas pessoas se preocuparam com a celebração do São João, principalmente em Caruaru. Nesta segunda-feira (8), o assunto foi abordado em coletiva da prefeitura do município. Segundo o Secretário de Saúde de Caruaru, Francisco Santos, o município irá seguir as recomendações do MPPE. “O Ministério Público tem solicitado que isso (acendimento de fogueiras) não seja estimulado. A gente mantém essa orientação, porque estamos em um momento que a temperatura caiu muito, ou seja, nesse mês de junho há uma possibilidade maior de termos casos de síndrome gripais”, afirmou o secretário.

Francisco Santos, secretário de saúde de Caruaru – Foto: Reprodução/YouTube

De acordo com a prefeitura, quando juntamos o período propício a síndromes gripais, com a exposição a fumaça das fogueiras, existe o risco do aumento de casos de problemas respiratórios. Além disso, a pandemia do coronavírus eleva ainda mais o perigo dos problemas respiratórios. Mais uma vez, Francisco Santos pediu cuidado com as fogueiras, mas não deixou claro se a prática estará proibida em Caruaru.

Siga RJ nas Redes Sociais